quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Bye bye 2015

Este ano despedi-me de algumas coisas nomeadamente de pelo menos 10kgs (isto porque a minha memória fixou os 98 que foi quando iniciei a dieta). Agora tenho 88kg.

Para o novo ano queria enviar para longe de mim pelo menos o mesmo...10kg. Parece fácil mas não o é...para mim não é.

Para o novo ano quero ser mais persistente, sinto que desisto com facilidade.

Para o novo ano quero ser melhor, melhor pessoa, melhor profissional, melhor mãe, melhor profissional, melhor amante (leia-se esposa mas gosto desta palavra), melhor EU...em TUDO.

Para o próximo quero correr mais, ir mais vezes ao ginásio.

Para o próximo ano quero comer MELHOR, comer menos e bem.

Para o próximo ano quero continuar a ter Saúde e que toda a minha família tb tenha.

Para o próximo ano quero trabalho, continuar com sorte no trabalho.

Para o próximo ano quero que as minhas filhas sejam felizes.

Para o próximo ano quero ser menos stressada e mais calma.

No próximo ano quero descansar mais.

No próximo ano quero abraçar um novo "projeto".

Que todos os meus sonhos se realizem estrelinha lá do céu.
Que todos os vossos sonhos se realizem estrlinha lá do céu.

Boas entradas.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

A ausência de café na minha vida

Não bebo café há 1 semana e 3 dias... Que ressaca! Tenho "aviado" chá verde como se não houvesse amanhã...

Está tudo bem....

A diferença entre eu gorda e ela gorda

Eu gorda não como grandes porcarias à frente de outras pessoas, por exemplo jamais comeria 2 pastéis de nata numa pastelaria. Eu sou mais de levar 2 pastéis de nata e comê-los em casa ou no carro. Isto sempre sem ninguém a ver. Que a ver vai um e não mais...
Ora aqui está a diferença entre mim e ela (alguém que vi na cafetaria)....ela pediu 1 baguete de delícias, ovo e tomate; 2 sumos (1 deles era para levar); 1 bolo que não sei o nome (esse foi para levar); 4 mini bolas de berlim (2 de chocolate e 2 de caramelo) e 1 café.
Pensei que certamente as bolas não eram todas para ela, que viria alguém ter com ela. Enganei -me...depois da baguete e do sumi comeu as 4 bolas com o café.

Esta é a diferença entre mim e ela. Ela não esconde e eu sim. Ela deve, portanto, ter vergonha de ser gorda e eu sim.
Já agora...o peso subiu 2kg no natal e baixou 1. Tenho 88,200 kg. Não está fácil. Mas também ninguém me disse que ia ser fácil...

domingo, 27 de dezembro de 2015

Natal sem bolo rei, filhós e afins

Ora bem, por causa disto o meu Natal não teve direito a doces. Aposto que estão a pensar " E achas que te faz alguma falta ó gorda?". Pois bem... não fez falta! Prometi que não comia doces (leia-se bolos e sobremesas porque me fartei de comer figos secos e isso é doce) enquanto uma determinada situação se mantivesse! Essa situação mantém-se portanto aqui a "je" não come doce, bolachas nem café!
Devo confessar que quando cheguei a casa ontem à noite pensei que a balança não tivesse subido tanto mas subiu. A prova de que me "tranquei":
- no polvo que nem uma baleia;
- nos figos e ameixas secas que nem uma águia;
- no queijo que nem uma ratazana;
- nas azeitonas que nem sei lá o quê;


Pronto já me confessei já posso ir trabalhar!

Beijinhos!

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Desafio de ano novo - corrida

No Verão corria (nada de especial mas para mim era correr e ponto final). Deixei de o fazer em Setembro por causa do trabalho e porque aqui conhecem-me e tenho vergonha:

Vergonha das mamas que quase me batem ora na cara ora no umbigo;
vergonha que digam "olha a gorda que ainda há pouco comeu um pastel de nata está agora a correr"(sim eu tenho ataques de doces ainda que em dieta);
Vergonha porque acho que não sei correr;
Vergonha porque vou sozinha;

Lá na santa terrinha era diferente... e foi tão mas tão bom...

Hoje vi este desafio e fiquei maravilhada, com o coração aos pulinhos. Sei que não conseguirei cumprir à risca mas pronto vá...50 dias. Seria interessante.


Ora vejam:
Correr no mínimo 100 dias em 2016 (pelo menos 1km) a começar já no dia 1 de janeiro!
As 4 regras são simples:

#1 Não deixar passar 3 dias sem correr.
#2 Correr pelo menos 3 vezes por semana.
# Não falhar nenhuma segunda feira.
#4 NUNCA desistir :-)


O que acham?

Publicarei aqui no blog sempre que correr/caminhar, com o título "corrida #1" (número mudará sempre que fizer uma nova corrida/caminhada).

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Já comprei calças

Pois é...relativamente a isto já comprei (caso contrário andava nua por aí). Decidi-me por um par de  levi's (estavam em promoção pois a loja já tinha poucos nrs e eram escuras).

Um dia depois passei à salsa e lembrava-me da marca quando era mais nova (não eram nada caras na altura). Entrei...uma decepção nos preços (altos altos) mas amor à primeira vista pelo corte. Perdi a cabeça e trouxe umas. Estou à espera que a sogra faça as bainhas. Depois mostro.

Promessas na Dieta?

Quando algo não está mesmo bem ou penso que irá correr mal a primeira coisa que me surge é prometer qualquer coisa que envolva comida (neste caso ausência dela).

Então... ontem à noite num desespero tão mas tão grande prometi não comer bolachas, doces e café até que a situação não se alterásse. A situação em causa não interessa para aqui, mas é muito grave. Dá-me para isto... de maneira que das duas uma ou cumpre a promessa (porque promessas são para cumprir) ou sou uma ranhosa.

domingo, 13 de dezembro de 2015

Sentido?

Ando à nora....com a dieta e com a vida.
Acredito no melhor...um dia tudo fará sentido.

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

sábado, 5 de dezembro de 2015

Pimentos salteados

Adorei adorei.
Melhor que adorar foi não ter ficado mal disposta (com isto quero dizer não arrotar a pimento 3 dias seguidos).
São pimentos mini.

Receita de pão de queijo light


Ingredientes

  • 100 g de batata doce cozida
  • 2 ovos
  • 2 claras
  • 50 ml de água
  • 150 g de ricota
  • Sal a gosto
  • 200 g de polvilho azedo
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 colher de sopa de semente de chia
  • 50 g de parmesão (opcional)

Modo de preparo 

Bata no liquidificador a batata doce, ovos, claras, água, ricota e sal. Quando a massa adquirir uma consistência cremosa, adicione os outros ingredientes e bata até a mistura ficar homogênea. Separe a massa em bolinhas do tamanho de sua preferência, distribua em uma assadeira untada com margarina e leve para assar em forno pré-aquecido por aproximadamente 30 minutos ou até dourarem.
Dica: Os pães de queijo crescem aumentam de volume, por isso, deixe um espaço considerável entre eles na forma.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Comer por comer

Os últimos dias têm sido maus para a dieta, logo agora que estava a descer o peso...
Apetece-me comer mas não tenho fome. Apetece-me comer por comer. Comer porque sim. Comer porque me apetece. Comer primeiro o saudável depois o que não interessa nada nem a ninguém.
A seguir vem a tristeza e a revolta de ser fraca e comer por comer.

Depois vem a esperança em novos dias mas sempre com o peso de consciência , pois a balança não engana ninguém.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Café na dieta....

Dizem que o café não ajuda na dieta, por ser estimulante. Bem que podia estimular a perca de peso.

Não passo sem café...eu bem tento mas sou Altamente viciada (sim é im vício).

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Salada de Folhas de Inverno e Arroz Selvagem com Batata Doce Grelhada


Estou com uma vontade enorme de por esta receita em prática:

Salada de Folhas de Inverno e Arroz Selvagem com Batata Doce Grelhada 
O arroz selvagem, com seu gostinho de nozes, e o toque adocicado e defumado da batata-doce grelhada combinam lindamente nesta salada vegana.
Ingredientes
- 800g de batatas doces (cerca de 4 batatas finas) bem lavadas
- ¾ de xícara de arroz selvagem
- ½ colher de chá de sal
- 2 talos de aipo picados
- 4 cebolinhas picadas bem finas
- ¼ de xícara de coentro fresco picado e um pouco mais para decorar
- Vinagrete de limão com pimenta ancho (ver adiante)
- Azeite de oliva extravirgem
- 12 xícaras de folhas picantes, como rúcula, folha de mostarda e espinafre
Modo de Preparo
Numa panela grande, com água fervente salgada, cozinhe as batatas-doces por cerca de 15 minutos, até ficarem quase macias quando espetadas com uma faca afiada. Escorra e deixe esfriar completamente. (Você pode fazer isso com 2 dias de antecedência. Tampe e guarde na geladeira.)
Numa panela média pesada, ponha 3 copos de água, o arroz e o sal e leve à fervura. Reduza para fogo baixo, tampe a panela e cozinhe por cerca de 50 minutos, até que o arroz esteja macio e a água tenha sido absorvida. Transfira o arroz para uma tigela média e deixe esfriar completamente. Adicione o aipo, a cebolinha, 1/4 de xícara de coentro e 3 colheres de sopa do vinagrete à tigela com o arroz selvagem e misture bem.
Coloque o grill em fogo médio-alto ou pré-aqueça uma grelha na boca do fogão em fogo médio-alto. Corte cada batata-doce em quatro tiras longitudinais. Pincele-as com azeite e tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Grelhe as batatas doces por 10 minutos, até ficarem douradas e macias, virando-as de vez em quando.
Numa tigela grande, tempere as folhas com 3 colheres de sopa de vinagrete e sirva-as em 4 porções iguais. Coloque a salada de arroz selvagem no centro de cada pilha de folhas, dividindo-a uniformemente. Arrume as tiras de batata doce em cima do arroz. Cubra as batatas doces com o restante do molho, salpique as saladas com o restante do coentro e sirva
Rendimento: 4 porções

Tiffosi ou levis´s?

Calças para pessoal ainda com número grande (44)...

Enviei 2 para a reciclagem porque estravam muito velhas e estragadas entre as pernas. Tenho que comprar novas mas estou indecisa. Vou averiguar